quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Monólogo de um eleitor

O silêncio contido nas linhas que se intersectam, uma voz activa , protesto inaudível que tenta a mudança que não se efectua.
- Cobardes, é o que a maioria é! Gritam as mudas linhas e continuam: -Mais valia não terem gasto tinta, dobrado o papelinho e colocado na urna, tal como vos foi entregue, se milhões de pessoas o fizessem, isso sim seria uma vitória! Ou não... nem eu tive coragem de o efectuar.
Algum tempo depois ainda continuo a remoer na escolha, ao menos não foi no establishment, tento contentar-me assim, mas depressa soa: -Será que foi a acertada?
-Pois, se houvesse uma maior renovação dos quadros políticos, gente ambiciosa e competente.... Hmmm, idealismos da minha parte, em política e nos partidos especialmente poucos são os que insurgem abertamente face às elites partidárias, ou quando o fazem, devido a "situações várias", não são tomados em conta e são anuladas as suas opiniões.
- Aterra! Já votaste e mostraste que não estás satisfeito com eles!
Ainda inquieto quero acreditar que as mudas linhas que se intersectam são um grito de protesto, que certamente não mudarão o país, mas que também quero acreditar, embora com grandes reservas, poderão ajudar a alterar a situação para algo um pouco melhor.

Escrito algures entre as eleições legislativas e autárquicas 2009.

sábado, 8 de agosto de 2009

Liberation Afro beat Vol. 1




Já lá vão uns aninhos desde o meu primeiro contacto com este álbum que me deu a conhecer as sonoridades Afro Beat, para quem gosta do género e ainda não conhece é altamente aconselhável, para quem não conhece nada e sente curiosidade é uma boa "porta de entrada". Os Antibalas Afrobeat Orchestra são hoje em dia uma referência musical, bebendo muita influência dos "pais" do Afrobeat, Fela Kuti e Tony Allen, que ao mesclar ritmos africanos com sonoridades variadas como Jazz ou Funk geraram este movimento que para além de musical provou ser um excelente condutor de ideais políticos e de igualdade social, que começaram a ecoar na Nigéria dos anos 60 e 70 e ainda hoje perduram,só que desta vez numa escala global. Prova disso foi o lançamento do 1º álbum português do género pelos Cacique 97 que aconselho e muito a audição.

Uma amostra do que se pode ouvir em Liberation Afro beat Vol. 1

World War IV - Antibalas

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Vinicio Capossela- Bruccia Troia ao vivo.



Um dos artistas com maior presença em palco que vi até hoje e também um dos que melhor assimila as mais variadas influências musicais possíveis. Recomendado. Escolhi este tema por remeter, não só pela musica, mas também pela caracterização do Vinicio Capossela, para a antiguidade clássica.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Steppin' Razor



Uma grande música de Peter Tosh, ao vivo no famoso Festival de Montreux no ano de 1979.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Palavras/ Words


Palavras/ Words, originally uploaded by Marco Santos.

Palavras fortes, mais cortantes que navalhas, perfurantes como balas...

CONTUNDENTES!


Palavras que definem uma posição,
que me defendem e ao mesmo tempo ferozmente atacam, arrasam o oponente.
De mente ferida mas sabendo o poder do Logos,
desfiro o golpe final, o argumento!
Qual rajada, bomba ou a mais poderosa criação humana.
Bastaram as palavras!

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

O Sobressalto


Mais um dia como os outros. Até que chega próximo de nós um animal cinzento escuro que faz um estranho ruído e de onde, para meu grande espanto e temor, saíram dois seres como o que nos acompanha diariamente. O que fazer? Optei por me imobilizar, um deles, o que se encostou ao tal estranho animal cinzento tirou algo estranho de uma bolsa e apontou para mim, emitia um som estranho, mas não suficientemente assustador, mas preferi imobilizar-me. Os mais velhos apesar do espanto não me pareciam tão assustados quanto eu. Com cautela observava também o que se dirigiu até àquele que nos acompanha todos os dias com os dois cães. Comunicavam entre eles, não percebo o que disseram, mas após um bocado o estranho retomou ao tal animal cinzento escuro e juntamente com o outro que nos apontava aquela coisa estranha partiram. O que vieram fazer não sei, mas por momentos interromperam a quietude do nosso sítio e colocaram-me em sobressalto....
Foto tirada perto de Corte D'Ouro na freguesia do Ameixial, concelho de Loulé.